16 Jun
São sete da tarde e o sol brilhante ainda vai alto. Chego a casa, bebo o meu chá de framboesa de travo adocicado gelado como se quer, e sento-me numa das cadeiras da varanda de óculos de sol excentricamente fabulosos postos na cara, a observar o mundo do melhor lugar da esfera terrestre: a minha casa. Perco-me em pensamentos, devaneios, rio-me sozinha e ouço a minha própria música titubeando em mundos imaginários, quiçá mais coloridos. Afinal também sou feliz assim. 
Advertisements

Express yourself!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s