Faço o que me apetece

22 Mar
Ultimamente tem-me apetecido acrescentar horas aos dias. As míseras 24 estipuladas não me chegam para fazer tudo o que quero. Gostava de poder dizer, como a Miuda tão bem canta, que faço o que me apetece. Mas falta-me o tempo. Para os amigos, para os filmes, para o simples exercício de ficar a olhar para anteontem a pensar na vida e a imaginar mil e uma coisas. Sobeja-me o que fazer, e na maior parte das vezes isso não é sinónimo de fazer o que me apetece. As escolhas senhores, as escolhas. Como li há uns tempos somos livres de as fazer mas seremos incontornavelmente prisioneiros das suas consequências. 
Devaneios à parte hoje é mais um dia de sol. E eu, eu vi-o nascer ao sabor de chá com mel, leitura boa, e sorriso tatuado nos lábios. Porquê saltar da cama tão cedo? Ora, porque me apeteceu. 
Tenham lá um bom dia então, sim? 
 
 
 
 
Advertisements

Express yourself!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s