Conversas de rua…

29 May
Não sei bem porquê mas os estranhos têm tendência para falar comigo. Seja na paragem do autocarro, no café, ou até em lojas. Aquele meter conversa casual a quem o silêncio incomoda. Da última vez foi na casa de banho enquanto esperava que chegasse a minha vez. Confesso que já estava preparada para usar o “pois” – palavra muito útil neste tipo de situações – mas de repente, contra todo o meu cepticismo, dei por mim a gostar de ouvir o que a senhora estava a dizer. E a descobrir que estava ali uma mulher mais que culta com tanto para partilhar. 
A conversa durou uns minutos depois cada uma foi à sua vidinha, como acontece sempre neste tipo de conversas de rua. Mas juro que pela primeira vez na vida me apeteceu passar a tarde toda a ouvir um estranho. Afinal, pensando bem não é assim tão mau ter desconhecidos a falar comigo sem quê nem porquê.
Advertisements

Express yourself!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s