Instinto fatal

19 Jun
De quando em vez aparece alguém na nossa vida que dá todos os indícios de ser boa pessoa. Alguém simpático, educado, gentil nos modos e politicamente correcto nos actos. Alguém que não nos dá razão alguma para desconfiar do que quer que seja, mas com quem, incrivelmente, não vamos com a cara. Isto acontece a toda a gente todos os dias. E depois uma pessoa fica ali numa limbo e opta sempre por dar o benefício da dúvida. Racionalidade acima de tudo.
Ainda assim a vida tem-me ensinado a confiar no meu instinto. Vou optando por confiar desconfiando. É que o sexto sentido feminino é quase tão aguçado como a racionalidade. E a maior parte das vezes os acontecimentos acabam por lhe dar razão.
Advertisements

3 Responses to “Instinto fatal”

  1. S* Tuesday 19 June 2012 at 11:51 #

    O meu instinto nunca me enganou.

  2. Andreia Justo Tuesday 19 June 2012 at 14:46 #

    Eu nunca me engano! O meu marido acha sempre incrível como eu certo sempre! A vida assim me ensinou, também já tive muitas desilusões de amizade… Agora acho que aprendi a defender-me dessa maneira, desconfiando sempre, seja de quem for, até que por alguma atitude ou sinal a dúvida se desvaneça e eu possa escolher o caminho a seguir…

  3. Fi* Tuesday 19 June 2012 at 21:30 #

    Sinceramente acho que tens razão. Também tenho um instinto apurado e raramente me engano. Deves segui-lo.

    **

Express yourself!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s