Café amor

3 Jul
Acordo ensonada com os raios de sol a entrarem pela vidraça, convidativos. Com tamanha vivacidade, de quem gosta de puxar os outros para a vida, cegam-me os olhos que fazem birra para se manterem fechados. O apelo de um novo dia, tão luminoso, é mais forte do que o bate pé preguiçoso do meu corpo. Levanto-me e arrasto-me para a cozinha. Apetece-me café. Forte, quente, despertador. Enquanto o beberico, olhos postos no horizonte de um novo dia, descubro que gosto daquela sensação. Do café quente a percorrer-me a garganta. E nisto penso que gosto do amor como gosto do café. Forte, quente, despertador. Têm muito de comum estes dois. Jamais me deliciaria com um café morno, da mesma maneira que jamais me contentaria com um amor menos que escaldante. 
O som do telemóvel acorda-me dos devaneios matinais. Está na hora de ir abraçar o dia lá fora. 

 

Advertisements

One Response to “Café amor”

  1. Nuas e Cruas Tuesday 3 July 2012 at 16:34 #

    Que lindo, adorei!

    Um bom dia para vc também

    xoxo

    Tali
    http://www.nuasecruas.com

Express yourself!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s