Tag Archives: Moda

Cindy Crawford @ C&A

1 Mar

Ontem, pela primeira vez, vi na televisão a publicidade à nova colecção da Cindy Crawford para a C&A. Estava já ensonada, com as pálpebras a serem empurradas por essa força da natureza que é o sono, e por instantes pensei estar a delirar. Quer dizer era a Cindy Crawford. Não era uma garota, uma modelo qualquer, mais uma cara laroca dessas que nos entram sala adentro todos as noites. Não. Era a Cindy Crawford, uma das (ex) modelos de que mais gosto. Na televisão, num anúncio da C&A. Aquilo soava-me a inacreditável. Mea culpa, admito. Tenho uma implicância crónica com a C&A. Não digo que nunca lá comprei nada, estaria a mentir se o afirmasse, muito menos que por lá não há coisas giras. Apenas é uma loja que habitualmente passo. Parece-me sempre tudo muito engraçado na montra, mas acabo quase sempre desiludida depois de ver as peças ao perto. Todos temos lojas com as quais não nos identificamos, não é?

Seja como for, qual tira-teimas, liguei o computador e fui ao site da marca. E a verdade é que a notícia não só se confirma, como parece já ter havido uma outra colecção dela. Foi nesta altura que, além de me ter penitenciado mentalmente com uns bofetões jeitosos, me perguntei o quão distraída, ou cega, andaria para não ter dado por nada. Só pude concluir que a minha bela ideia de excluir a loja da minha ronda habitual ao shopping afinal não é assim uma ideia tão boa . Já devia ter aprendido que se pode encontrar uma peça fantástica em qualquer lado. Mesmo em sítios que, à partida, passaríamos.

Enfim, isto tudo para dizer que quanto a vocês não sei. Mas eu cá, impulsionada que estou pela curiosa veia latejante que habita em mim, não passo sem lá ir espreitar e ver tudo com os meus próprios olhos.

Advertisements

The Queen: Kate Moss

1 Mar

kateGosto da Kate Moss. Sempre gostei. Ao longo dos anos, lendo entrevistas que dava aqui e ali, passei também a admirá-la. Não porque a ache especialmente bonita ou um mulherão. Mas porque sempre demonstrou uma postura correcta a nível profissional. Sempre se (re)ergueu independentemente da dimensão do escândalo em que estivesse envolvida, traçando uma linha marcada entre o que era trabalho e o que era a sua vida pessoal. Prova disso é o sucesso inquestionável e o protagonismo que adquiriu numa indústria instável, onde é preciso muito mais que uma cara bonita e um bom par de pernas para se chegar ao topo.

Por isso, ou porque a capa de Dezembro de 2001 da Vogue UK sempre foi uma das minhas preferidas, não pude deixar de votar para que fosse eleita a melhor capa de revista do século. A votação está aberta aqui e na corrida estão outras nove capas maravilhosas.

Alerta amarelo!

27 Feb

amarelo-page-001Numa primavera que se espera minimalista, há uma cor que promete trazer alegria aos nossos dias: o amarelo. Muitos foram os desfiles que colocaram em evidência o controverso tom garrido, cor do sol, elevando-o ao estatuto de must-have da estação. Desde Michael Kors a Louis Vuitton, em look integral, ou em pequenos apontamentos, o amarelo parece querer chamar a si o protagonismo dos dias soalheiros. Para as fashionistas e apologistas de cores fortes a tendência é uma boa notícia, e não trará qualquer dificuldade quando a questão é como usar. Para as mais cinzentas, monocromáticas e amantes do bom velho trio preto, branco e bege que querem experimentar mas se sentem perdidas,  a palavra de ordem é arriscar. Um colar, uma pulseira ou uma mala podem representar o início de uma amizade duradoura com o tom dos girassóis. 

Rendemo-nos ao alerta amarelo?

desfileamarelo-page-001

Oscars 2013: Fan Bingbing

25 Feb

Poderia dizer mil coisas sobre este vestido Marchesa usado pela Fan Bingbing, mas a verdade é que tudo se resume a um gosto muito. Da cor – uma das minhas preferidas -, dos ares de princesa, do efeito drapeado no busto que o enche de graça. Isto para não falar dos brincos que são um sonho de lindos. Sim, adoro brincos grandes, irreverentes na sua elegância.

A clutch, essa, podemos esquecê-la? Achei-a um bocadinho tenebrosa e um tanto nada a ver com o conjunto. fan binbing

Oscars 2013: Sandra Bullock

25 Feb

Provavelmente sou suspeita para falar mas a verdade é que, para mim, o vestido da Sandra Bullock está entre os melhores da noite (se não for mesmo o melhor). É um Elie Saab e toda a gente sabe como eu amo de paixão as criações dele (lembram-se disto?). Mas não é por levar a sua assinatura que o adoro. Adoro-o porque murmura uma elegância genuína com a pitada certa de sensualidade. Adoro-o porque me deixou longos minutos a contemplá-lo e a sonhar, um dia, poder vestir um tão bonito.

Em poucas palavras:  um arraso de lindo.

sandra bullock

 

Oscars 2013: Alicia Vikander

25 Feb

Este é daqueles vestidos que me arrancam um “uau!” sincero e vão directamente para a pasta das inspirações. Apesar de não ser propriamente fã da cor em vestidos de gala, amei de paixão. Um reparo apenas para o cinto que era absolutamente dispensável. 

alice

Milan Fashion Week: Moschino

23 Feb

moschino-page-001Se tivesse que resumir o desfile da Moschino em poucas palavras diria… so british! 
Desde o tartan vermelho, que por acaso usei há poucos dias  – vejam aqui -, até às combinações de cores seguras mas sempre elegantes, sou forçada a admitir que amei quase tudo. Em especial os sobretudos brancos com detalhes azeviche que murmuram elegância (e com os quais me imagino a fazer mil coordenados), e os blazers tartan. Sim, confesso que tenho uma obsessão por xadrez. Destaque ainda para o pormenor dos emblemas, em jeito de apontamento colegial, a afirmar o conceito Moschino. Fica assim reforçada, mais uma vez, a minha paixão pela marca.